Fintech para MEI: conheça as startups que oferecem soluções financeiras para microempreendedores

As fintechs para MEI oferecem soluções exclusivas e especiais para microempreendedores individuais exercerem suas atividades com praticidade e segurança

Assim como pessoas jurídicas tradicionais e maiores, o pequeno empreendedor também necessita de soluções especiais e exclusivas para seu empreendimento. É neste ponto que muitos acabam encontrando dificuldades para dar continuidade nas atividades de sua empresa. Mesmo sendo uma categoria formalizada, os MEIs (Microempreendedores individuais)  ainda têm problemas na hora de encontrar e optar por serviços financeiros

Um dos maiores desafios para as empresas, mas principalmente para os microempresários, é conseguir separar as finanças pessoais das finanças jurídicas. E para ter isso bem organizado, o responsável pelo negócio precisa de um incentivo com uma conta bancária exclusiva. É por isso que as fintechs para MEI surgem como uma solução em um mercado com as taxas de juros mais caras e ainda por cima com uma operacionalização burocrática. 

O que é fintech para MEI

Uma fintech para MEI é uma startup financeira que oferece soluções de crédito, gestão de finanças, empréstimos, negociações de dívidas, contas bancárias digitais e muito mais para os microempreendedores individuais. O diferencial das fintechs para empresários menores em relação às instituições financeiras é a desburocratização dos serviços financeiros e a redução dos juros.

Abrir contas jurídicas em bancos tradicionais pode ser uma tarefa quase impossível, já que os juros embutidos são altíssimos e nem sempre vêm com uma boa qualidade ou personalização de serviços de acordo com as necessidades de um pequeno negócio. Essa opção acaba sendo inviável para o MEI, já que sua estrutura é menor, mas, ainda assim, ele paga o mesmo que um grande empresário por uma conta. 

Já as fintechs para MEI oferecem soluções personalizadas, mais acessíveis e na palma da mão. As startups financeiras ainda oferecem um retorno muito mais rápido para um negócio que está começando, já que têm processos simples, utilizando o melhor da tecnologia em favor de seus clientes. 

Neste vídeo do blog Me Poupe!, você pode tirar todas as suas dúvidas sobre ser MEI e quais são os direitos garantidos para a categoria de Microempreendedor Individual

Fintechs para MEI que oferecem empréstimos

Como o investimento é um item essencial para que o empreendedor dê início às atividades de seu negócio, é necessário que o MEI possua boas opções com taxas de juros mais baixas, mas sem abrir mão da segurança na hora de solicitar um valor para empréstimo. Atendendo a essa necessidade específica, surgem as empresas peer-to-peer

Também chamada de P2P, esse é um tipo de fintech que tem como objetivo unir pessoas que precisam de empréstimo às pessoas que querem emprestar dinheiro. Na prática, o valor total de um empréstimo solicitado pode vir de mais uma fonte. Como a operacionalização é feita diretamente entre pessoas físicas utilizando uma plataforma tecnológica como intermédio, as taxas são reduzidas.  

Os empréstimos feitos empresas peer-to-peer são regulamentadas pelo Banco Central e, portanto, são seguras tanto para quem precisa do empréstimo, quanto para quem empresta um valor e deseja retorno. Os processos são tecnológicos, mas seguem as linhas tradicionais de avaliação e aprovação de crédito. 

Uma das empresas do segmento de empréstimo peer-to-peer é a Firgun, que se destaca pelo seu diferencial de oferecer investimentos para microempreendedores de baixa renda. Ela funciona como uma espécie de crowdfunding e é possível emprestar valores a partir de R$ 25. A diferença entre o financiamento coletivo é que o financiador recebe o valor de volta depois da efetivação do empréstimo. 

Os empréstimos da Firgun que possuem um valor de até R$ 3 mil podem ser parcelados sem juros. A partir de R$ 3 mil até R$ 9 mil os juros são de 0,5% ao mês. Acima de R$ 9 mil o valor da taxa é de 1% mensalmente. 

Outros exemplos de fintechs para MEI que oferecem opções de empréstimos são: 

  • Nexxos;
  • TuTu Digital;
  • Biva;
  • IOOU;
  • Mutual;
  • Meempresta;
  • Kavod Lending.

Fintech para MEI: contas digitais 

Outra solução que os MEIs procuram quando querem abrir uma empresa é uma opção de conta bancária que consiga atender as necessidades de um negócio sem precisar pagar caro por isso. 

Dentre os benefícios de ter uma conta digital está a possibilidade de economizar ou até zerar custos com tarifas de serviços bancários, como transferências DOC e TED, emissão de boletos e pagamentos de contas diversas. As taxas de bancos tradicionais podem chegar a R$ 60 mensais, enquanto que uma conta digital pode oferecer o mesmo serviço de forma gratuita.

Outra vantagem é a praticidade, já que não é mais necessário ir até uma agência para resolver a vida financeira. Basta acessar o aplicativo pelo celular e aproveitar o atendimento 24h que esse tipo de fintech costuma oferecer.  

Abaixo, listamos algumas fintechs que oferecem contas digitais para MEI.

Banco Original 

Tarifa mensal: R$ 39,90

Serviços inclusos: saques ilimitados em caixas eletrônicos do banco (somente no Rio de Janeiro e em São Paulo); 6 saques por mês no Banco24Horas; 10 transferências gratuitas entre contas Original; 5 transferências TED para outros bancos; 20 pagamentos de contas por débito ou crédito; depósitos em cheque ilimitados por celular

Neon

Tarifa mensal: não possui

Serviços inclusos: transferências ilimitadas entre contas do banco Neon, 1 transferência por mês para outros bancos, 1 saque por mês na Rede 24h, 1 depósito por boleto por mês.

Quer saber mais sobre o Neon? Leia o post Banco Neon vale a pena? Conheça os diferenciais do banco 100% digital.

Agibank

Tarifa mensal: não possui

Serviços inclusos: 4 transferências por TED gratuitas no mês; 4 depósitos por boleto; 2 saques gratuitos na rede Banco24Horas por mês. Outra função do Agibank é o Agipay, que permite realizar transferências por meio do QR Code.

Banco Inter

Tarifa Mensal: Não possui

Serviços inclusos: cartão de débito MasterCard, saques pela rede Banco24Horas, depósitos em cheque por imagem, emissão de boletos, transferências TED (até R$ 100 por mês), agendamento de transferências. O Banco Inter ainda oferece serviços de seguro para carro e casa, operações de câmbio e investimento. Ele também disponibiliza a função de transferência por QR Code com o aplicativo InterPag.

Para saber mais, leia o post De financeira para banco 100% digital: saiba o que é o Banco Inter e se vale a pena abrir uma conta.

Neste post, você pode conhecer um pouquinho mais sobre as fintechs que disponibilizam serviços para microempreendedores individuais. Se quiser saber mais assuntos de tecnologia e do setor de TI, continue acessando os conteúdos do blog Encontre um Nerd. E, para ficar por dentro de tudo do mundo das fintechs, acesse o blog da Fintech e inscreva-se na newsletter!

42% das empresas no Brasil tem custos mais altos por ineficiência em tecnologia e informática. Faça um orçamento:

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Você também pode gostar de...

Veja Mais

Não deixe sua empresa parar por problemas simples de suporte. Estamos aqui para te ajudar

Confira alguns dos serviços: