5 dicas de como administrar uma pequena empresa

Formalização, cursos e capacitação, marketing e mais dicas de como administrar uma pequena empresa que você pode começar hoje!

Quando você está começando a trabalhar com sua pequena empresa, simplesmente decidir qual objetivo abordar primeiro - e saber o que fazer e quando - pode ser um trabalho apenas por si só. E ter algumas dicas de como administrar uma pequena empresa ajuda bastante nesse caminho desafiador.

Nenhum de nós nasceu com inteligência empresarial ou um manual de negócios pré-impresso na cabeça. É algo que todos nós temos que descobrir ao longo do caminho.

E, especialmente, quando começamos a trabalhar nos negócios, quando não temos anos de experiência para nos ajudar a adivinhar de maneira inteligente e instruída, dicas de como administrar uma pequena empresa e conselhos de outras pessoas podem ser incrivelmente úteis.

Então, hoje, vamos nos concentrar nas dicas de gerenciamento - gerenciamento de tempo, gerenciamento de dinheiro, etc.

Todas essas dicas de como administrar uma pequena empresa ajudarão você como novo proprietário de uma pequena empresa a administrá-la melhor, evitando assim dores de cabeça indesejadas e avançando para o objetivo desejado. Continue lendo!

1. Formalize sua empresa

Mesmo que você seja totalmente autônomo, não tenha mais ninguém trabalhando para você e se autofinancie 100%, a primeira dicas de como administrar uma pequena empresa é formalizar sua empresa como uma entidade tributável separada desde o primeiro dia.

Alguns profissionais de serviços, como redatores, designers e técnicos de informática, se sentem mais seguros pulando essa etapa enquanto ainda aumentam sua base de clientes, mas a formalização é uma opção barata e protege instantaneamente seus bens pessoais contra qualquer problema legal que sua empresa possa ter.

Não estamos dizendo que sua empresa terá problemas legais - a maioria das pequenas empresas nunca enfrenta algo do tipo.

Mas apenas no caso de você acidentalmente usar um nome que foi protegido por direitos autorais ou ter um cliente totalmente horrível que o atrapalha, mesmo que você tenha um contrato... a pior coisa que pode acontecer é que seu negócio se dissolva.

O que seria chato, mas pelo menos você não teria que encerrar sua empresa apenas para pagar o que está sendo processado... sabe?

Dores de cabeça poupadas:

- Problemas financeiros das empresas que se infiltram nas suas finanças pessoais;

- A Receita Federal respirando no seu pescoço;

- Ser processado por tudo que você possui.

2. Separe suas finanças pessoais e empresariais

Digamos que, por algum motivo, a formalização como uma empresa legal não seja uma opção. Ou, por algum motivo, sua papelada está sendo segurada, mas você simplesmente não pode esperar para descobrir o que está acontecendo.

A dica de como administrar uma pequena empresa nesse caso é não aceite pagamentos em sua conta pessoal ou coloque despesas de negócios em seu cartão de crédito pessoal.

A maioria dos bancos exigirá uma documentação oficial de negócios para abrir algo no nome da sua empresa, mas, no mínimo, você pode abrir contas pessoais separadas que são designadas apenas para transações comerciais.

Independentemente disso, mesmo se conseguir se formalizar, isso é algo que você tem que fazer.

Como você e sua empresa são entidades tributáveis ​​separadas, você precisa ter finanças separadas. Caso contrário, as coisas ficarão confusas e você pode supor que terá que lidar com uma auditoria, mesmo que não tenha nada a esconder.

Dores de cabeça poupadas:

- Mais problemas com a Receita Federal.

3. Pague por um software de contabilidade

Muitos donos de empresas novatos estão constantemente procurando maneiras de economizar dinheiro. Tanto é assim que tarefas como contabilidade - ou manter o controle do fluxo de caixa - é algo que eles assumem que podem fazer por conta própria.

Mas, sinceramente, não há necessidade de contratar um contador pessoal. Pelo menos não no começo. Há várias opções de softwares de contabilidade bons e fáceis de usar.

E honestamente, por custarem tão pouco, quase sempre se pagam com o tempo economizado.

A dica de como administrar uma pequena empresa aqui é contratar uma versão de plano básico. Se enviar faturas é um problema para você, elas parecerão muito mais profissionais e levarão muito menos tempo para serem feitas do que se você tentar se aventurar com o Excel e fazer você mesmo .

Dores de cabeça poupadas:

- Perda de recibos;

- Esquecer quais são suas principais despesas;

- Não parecer pouco profissional ao enviar seus documentos.

4. Invista em sua educação

Outra dicas de como administrar uma pequena empresa é, na verdade, um conselho: o melhor dinheiro que você pode gastar no meu negócio é com a sua própria educação para promovê-lo.

Se você não sabe como fazer algo, é bobagem continuar tentando as soluções do Google, passar por meses e meses de tentativa e erro, e talvez acertar depois.

Em vez disso, faz muito mais sentido um investimento para aprender como fazer da maneira correta com alguém que já esteve lá, fez e foi bem-sucedido.

Porque mesmo que esses cursos custem dinheiro adiantado, eles mais do que se pagam ao te ajudar a evitar erros, sem mencionar o quanto eles ajudam a ganhar mais dinheiro por causa das coisas que ensinam.

Algumas opções de cursos são: sobre como configurar meu negócio, como gerenciar clientes, como vender, como anunciar, como escrever, como escolher cores e fazer design básico de web, como fazer rede e como criar uma informação produtos.

Cursos gratuitos estão disponíveis sim, mas eles são mais superficiais. Invista dinheiro para se aprofundar em um assunto e realmente aprender.

Dores de cabeça poupadas:

- Perda de tempo

- Dinheiro desperdiçado

- Experiências falhas

- Perder vendas

5. Invista em Marketing

Uma placa de "Aberto para negócios" em sua porta da frente e/ou um site que finalmente foi ao ar não é suficiente para conquistar seus clientes. Seria bom, mas esse não é o mundo em que vivemos.

O mundo em que vivemos exige que os pequenos empresários criem o caminho na frente das pessoas, mostrem a elas algo valioso e, de alguma forma, que elas prestem atenção ao discurso.

Então, para investir no marketing corretamente, você precisará fazer uma pequena pesquisa para descobrir o que funciona melhor para seu modelo de negócios e seu mercado:

  • Alugar um estande em um festival?
  • Marketing de conteúdo online?
  • Anúncios no jornal?
  • Anúncios PPC no Google?
  • Anúncios no Facebook?
  • Marketing de rede e referências?

Seja o que for, você vai querer começar a fazê-lo desde o primeiro dia.

Ou, se você for realmente inteligente, você a usará para começar a gerar publicidade, lealdade e antecipação antes do primeiro dia.

Mas faça o que fizer, não fique parado e mexa os dedos e decida que talvez devesse investigar o marketing quando perceber que sua empresa não é tão rentável quanto o planejado inicialmente.

Faça isso imediatamente e você se agradecerá.

Dores de cabeça poupadas:

- fluxo de caixa zero;

- fazer dívidas por causa de nenhuma renda;

- sem fundos para pagar a si mesmo ou seus funcionários.

Encontrar soluções inteligentes é a melhor dicas de como administrar uma pequena empresa. Como você está começando a adquirir experiência, simplificar processos e evitar bater cabeça à toa em algo que você não domina, pode salvar seu negócio.

Conheça a Encontre um Nerd e saiba como ajudamos a empresa Via Varejo a reduzir em 20% o custo com pessoal e fazer o fechamento de custos e despesas em 2 dias com nosso suporte ondemand.

Entre em contato com a nossa equipe e conheça nossos serviços.

42% das empresas no Brasil tem custos mais altos por ineficiência em tecnologia e informática. Faça um orçamento:

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Você também pode gostar de...

Veja Mais

Não deixe sua empresa parar por problemas simples de suporte. Estamos aqui para te ajudar

Confira alguns dos serviços: