[GUIA] Como montar um espaço de coworking?

A indústria de espaços compartilhados de trabalho está crescendo e o número de freelancers, profissionais independentes e funcionários com trabalho remoto.

Você já pensou em como montar um espaço de coworking em sua cidade?

A indústria de espaços compartilhados de trabalho está crescendo e o número de freelancers, profissionais independentes e funcionários com trabalho remoto está disparando.

Há definitivamente oportunidades na indústria para mais espaços. Como Steve King, da Emergent Research, disse aos operadores de espaços compartilhados: “Se dois por cento das corporações entrarem no coworking, você não conseguirá lidar com a demanda que virá na sua direção”.

Para descobrir como montar um espaço de coworking que será bem-sucedido, você terá que fazer o trabalho de preparação correto.

Aqui estão oito perguntas para responder antes de colocar a mão na massa efetivamente e pensar como montar um espaço de coworking.

Como montar um espaço coworking: 8 perguntas para responder antes de começar

1. Quem é a concorrência?

Existem outros espaços de coworking na sua cidade? Vá visitá-los. Como eles são? Eles atendem a apenas uma clientela? Você consegue ver um nicho ou micro-nicho para o que você quer fazer?

Essas são algumas perguntas para responder no início do processo de pesquisa de como montar um espaço de coworking.

Talvez você queira ser receptivo a um mix mais amplo de pessoas. Quanto mais amplo for o público que você atende, maior será o seu mercado e mais pessoas estarão interessadas em seu espaço.

2. Qual espaço está disponível na área?

Se você tem um espaço caro, você tem menos margem para cometer erros. Fique atento às diferenças e conheça as condições de cada tipo de contrato possível ao comparar as propriedades.

No processo de como montar um espaço de coworking, nunca se apaixone por apenas um lugar porque, se você não conseguir, precisará encontrar outro.

Uma dica é escolher três propostas para analisar por vez. Isto se você estiver apenas alugando um espaço. Há outras maneiras de fazer isso quando você faz parceria com um proprietário ou compra um prédio.

3. Quais são os dados demográficos da área?

Você tem muitos profissionais especializados na área que está procurando? Seu corretor imobiliário poderá fornecer muitas dessas informações para você.

Uma dica é descobrir o quão perto está o café mais próximo. Se eles estiverem na área, é um indício de que você escolheu um local com profissionais de conhecimento e tráfego suficiente.

Para a maioria dos modelos de coworking, você deve estar em um núcleo vibrante da cidade, então pense no que está a uma curta distância:

  • restaurantes?
  • cafeterias?
  • bares?
  • parque?

4. As pessoas no bairro têm renda disponível?

Quer você goste ou não, o seu custo para um membro em potencial realmente sai da renda disponível. Sua maior competição é com a mesa da sala de jantar.

Ao analisar a demografia de uma área, observe os cálculos de renda disponível. Seu melhor mercado não é aquele que é super rico ou super pobre.

As áreas onde há crianças pequenas são uma boa indicação de que as pessoas precisam de um espaço de trabalho. E áreas onde as pessoas vivem em espaços menores também são boas.

5. Você tem a base para construção que você precisará?

Você sabe sobre construção de site? Existe uma parte de construção real envolvida em como montar um espaço de coworking.

Em alguns casos, o locador pode lidar com isso para você, mas você ainda precisa ter alguém na sua equipe que saiba alguma coisa sobre construção e lidar com empreiteiros.

6. Você tem um bom designer?

O design é de vital importância. Consiga um bom designer. As pessoas têm escolhas e, às vezes, nem sabem por que estão escolhendo um espaço em detrimento de outro. Elas escolherão entrar em seu espaço se ele for acolhedor e brilhante.

Não precisa ser nada super luxuoso, mas tem que fazer você se sentir bem em entrar e trabalhar lá. Encontre espaços com o máximo de luz natural possível.

Inclua estratégias de construção ecológica em seus planos para diminuir os custos operacionais e demonstrar que você é ambientalmente responsável.

Pense em sensores de movimento para iluminação. Você também economizará em seus custos de utilidade e substituição se colocar a iluminação LED no início.

Todos nós gostamos de concreto natural e pisos de madeira, mas superfícies mais duras tornam um local desagradável para se trabalhar. Certifique-se de ter superfícies suaves suficientes para absorver o som.

Pense também em algum tipo de cancelamento de ruído, se você decidir usar música ou tiver espaço para outras atividades que façam mais barulho.

7. Como você vai personalizar seu espaço?

Na verdade, você está alugando um espaço. Você está alugando um espaço e convertendo-o em uma associação para uso do espaço. Você não pode ter muito espaço desperdiçado.

Pense em como e o que você pode construir em torno de uma área de pátio, o que lhe dará uma sensação de vibração.

8. Que tipo de planos você oferecerá?

Se você puder ter seu coworking aberto 24 horas por dia, você aumenta muito a sua margem. Mesmo que seu local esteja vazio fora do horário de trabalho, as pessoas querem saber se têm acesso 24 horas por dia, 7 dias por semana, se precisarem.

Sua demografia ajudará você a definir seus planos.

  • Você tem muitos consultores que podem precisar usar salas de conferência ou escritórios para se encontrar com pessoas?
  • Você tem funcionários remotos que precisam apenas de alguns dias por semana?
  • E equipes que querem compartilhar planos?

Atributos importantes para um espaço de coworking bem-sucedido

  • Localização: como dissemos acima esteja no ecossistema do mercado que você está segmentando. Ou segmente um local onde a demanda é alta, mas a oferta é muito menor. Estar localizado perto de áreas onde o transporte público está prontamente disponível também é positivo.
  • Créditos de parceiro/plataforma (ex: Office 365 para empresas, Amazon Web Services (AWS), GSuite, etc)
  • Comunidade: É super essencial criar uma comunidade online e offline para manter os usuários envolvidos.
  • Cafeteria/Despensa com café, lanches, alimentos e bebidas.
  • Salas de conferência, Salas de reuniões.
  • Eventos: eventos ajudam a manter os clientes atuais envolvidos e trazem novos leads para o seu espaço (publicidade gratuita).
  • Principais reclamações: problemas com a conexão da internet, níveis de ruído e falta de privacidade devem ser atendidos.
  • Planos e Preços: identificar o mercado alvo e fazer planos fixos/flexíveis adequados para eles.
  • Mentor e rede de investidores: orientação e investimento são os principais desafios que as startups inovadoras enfrentam.
  • Instalações: As pessoas procuram um ambiente de trabalho positivo e produtivo. Eles também preferem áreas de recreação no espaço de coworking.

Está planejando como montar um espaço de coworking? Com certeza você precisará de suporte qualificado de serviços técnicos de informática e TI.

Para evitar qualquer reclamação dos seus clientes é importante contar com o suporte de profissionais responsáveis e experientes no mercado para te ajudar a implementar as melhores soluções para o seu negócio.

Conheça a Encontre um Nerd e saiba como ajudamos a empresa Yázigi a reduzir seus custos fixos em 12% com nosso suporte ondemand. Entre em contato com a nossa equipe e conheça nossos serviços.

Fale com um Expert — https://encontreumnerd.com.br/nerdapp

42% das empresas no Brasil tem custos mais altos por ineficiência em tecnologia e informática. Faça um orçamento:

Thank you! Your submission has been received!
Oops! Something went wrong while submitting the form.

Você também pode gostar de...

Veja Mais

Não deixe sua empresa parar por problemas simples de suporte. Estamos aqui para te ajudar

Confira alguns dos serviços: